Loading...

sábado, 6 de agosto de 2011

Aprendizes do Evangelho/Agosto/11





OS SONHOS DE JACÓ




Interpretação da Doutrina Espírita





Jacó era filho de Isaac ( um dos filhos de Abraão) e filho de Rebeca, irmã de Labão. Tinha também um irmão gêmeo que se chamava Esaú, e que tinha nascido primeiro que Jacó, e portanto tinha direito á primogenitura e trocou-a por um prato de lentilhas com Jacó.



O pai de Jacó envia-o á cidade de Harã, onde morava seu tio Labão, para escolher uma espôsa hebraica.



Durante a viagem, Jacó teve o famoso sonho da escada que se erguia da Terra e os anjos de Deus subiam e desciam por ela. A doutrina espírita nos explica que esse sonho representa o processo de EVOLUÇÃO DOS ESPÍRITOS na Terra), ou seja, é o processo da REENCARNAÇÃO, onde os espíritos encarnados regressam á pátria espiritual, subindo os degraus da evolução, e retornam, descendo á Terra para novos estágios de progresso espiritual.

Em Harã, conhece sua prima Raquel por quem se apaixona. Serve a Labão por sete anos para recebê-la em casamento,mas Labão,astuciosamenete, em lugar de Raquel lhe deu Lia, a irmã mais velha. Depois de uma semana nupcial, Labão entregou-lhe também Raquel, mas Jacó precisou servir-lhe por mais sete anos.
Na sua volta para Canaã, Jacó teve outro sonho, em que lutou com um anjo até o amanhecer. Como não foi vencido, o anjo deu-lhe o nome de ISRAEL e lhe disse que esse seria o seu nome daí em diante, pois dos seus descendentes ( que seriam 12 ) se originariam as 12 tribos de Israel. Na divisão de Canaã,cada um dos quinhãos recebeu o nome de um dos filhos de Jacó. Esta é a origem do povo de Israel.


Esse sonho, segundo São Jerônimo ( um estudioso e compilador da 1.ª Bíblia em latim), é uma miragem do combate espiritual e perseverante do homem com as suas inferioridades (I Reforma Ìntima, como hoje chamamos).



Importante lembrar que todos nós, segundo a Doutrina Espírita, precisamos segundo Jesus, " Orar e Vigiar" nossos pensamentos, pois os bons pensamentos atraem para junto de nós os bons espíritos que nos aconselham para uma vida no bem; os nossos maus pensamentos, atraem espíritos que se comprazem no mal e se aproveitam desses momentos de nossas fragilidades, para nos influenciar para o mau caminho.



A oração somente não os afasta,é preciso termos uma vida pautada na prática incessante do bem, no estudo da doutrina de Jesus através doutrina espírita, e na fé e na coragem para resistirmos. O Espiritismo nos abre a mente para essa nova visão, a fim de alcançarmos o progresso moral e intelectual.
(O Livro Curso dos Aprendizes do Evangelho, 1.ºano, edição da FEESP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário